Acerte o tom da maquiagem.

 

A escolha dos tons da maquiagem é muito particular, tendo em vista o estilo de vida, a personalidade, as vestimentas, etc.

 

Algumas mulheres que gostam da maquiagem nude  e outras preferem aquela que parece estar maquiada mas não está, e tem as adeptas dos cílios postiços, gliters e batom de cor intensa.

 

De qualquer modo, para preparação da pele é fundamental o teste dos produtos a serem usados. Corretivos 1 ou 2 tons mais claro que o tom da pele. Bases e pós podem ser testados tanto  no pescoço quanto no  rosto e devem ter o mesmo tom da pele.

 

Pele iluminada é super bem vinda.

 

Quando é lançado no mercado cores tidas como  tendência da estação  sugiro que observe o tom da pele antes de experimentar.

 

Por exemplo,  se a cor da tendência for a rosa, os tons mais claros caem bem em peles claras,  e em peles negras os tons mais escuros da cartela do rosa  como , por exemplo, um batom na cor roxa. orem não é uma regra. Maquiagem é beleza e bom senso.

 

Os tons das sombras seguem as mesmas dicas.

 

As sobrancelhas podem ser delineadas com  lápis, sombra ou até mesmo hena, corrigindo as falhas,  se necessário.

 

Evite excesso de máscara de cílios, pois qualquer produto em excesso pode destruir sua make. O objetivo desse produto é valorizar os cílios e para isso existem máscaras alongadoras, de volume,  etc.

 

O contorno labial deve ser feito no mesmo tom do batom ou gloss. Sugiro que seja escolhido primeiro o tom desses produtos (batom e gloss)  e depois a escolha do contorno labial.

 

Atualmente as cores dos blushes são mais leves sendo encontrados nos  tons de pêssego e marrons proporcionando  aquele ar de saúde e são uma grande tendência.

 

Em dias mais quentes, ou até mesmo para que sua make dure mais, não dispense o uso do primer antes de tudo, como também produtos de longa duração como batons líquidos, lápis e máscaras à prova d’água.

 

Respeite seu estilo e tenha bom senso. Desta   forma sua make sempre estará impecável. Fica a dica.

 

Bernardo Lins